Presidente da Águas de Coimbra preocupado com a reestruturação anunciada pelo Governo para o setor

Posted by

Pedro Coimbra

O presidente da empresa municipal Águas de Coimbra, Pedro Coimbra, disse hoje, quarta-feira, ver com “preocupação” a reestruturação do setor anunciada pelo Governo, considerando que o cidadão “pode ser penalizado”.

A fusão dos sistemas multimunicipais, prevista para 2015, “não traz nada de bom para o cidadão”, asseverou Pedro Coimbra, mostrando-se “preocupado” com a reestruturação do setor, por a Águas de Coimbra ser “uma empresa eficaz e eficiente, ter a melhor água do país e preços muito abaixo do praticado”.

O Governo apresentou hoje um documento sobre a reestruturação do setor da água, em que se prevê um benefício dos concelhos do interior na fatura mensal, que atualmente pagam mais pela água, enquanto que a fatura do litoral vai pesar mais.

Segundo esse documento, com a reestruturação do setor das águas, três quartos dos 227 municípios pertencentes ao universo Águas de Portugal (168) vão ver as suas tarifas descer, enquanto os restantes verão os preços subir progressivamente ao longo de cinco anos.

 

Informação desenvolvida na edição impressa de amanhã, 2 de outubro, do DIÁRIO AS BEIRAS

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.