Ana Saltão foi absolvida do crime de homicídio

Posted by

ANA SALTÃO SAÍDA TRIBUNAL CJM

Ana Saltão, a inspetora da Polícia Judiciária (PJ) acusada de matar a avó do marido, em 2012, foi hoje, dia 8 de setembro, absolvida pelo Tribunal de Coimbra.

O tribunal de júri criado para julgar Ana Saltão não conseguiu provar que inspetora da PJ tenha sido a autora dos disparos que mataram Filomena Gonçalves, de 80 anos, atingida com 14 tiros numa residência da rua António José de Almeida, em Coimbra, na tarde de 21 de novembro de 2012.

“É mínima a probabilidade de a arguida ter cometido os crimes nos termos da acusação”, disse o presidente do coletivo, ao terminar a leitura do acórdão.

“Há aqui coisas que ainda hoje não estão esclarecidas” e para as quais “ainda hoje não temos resposta”, disse o juiz, de improviso, dirigindo-se já diretamente para a arguida, sugerindo que a equipa da PJ de Coimbra que conduziu a investigação cometeu alguns erros na obtenção da prova.

Toda a informação na edição impressa do DIÁRIO AS BEIRAS de dia 9 de setembro

One Comment

  1. absolvida????????????????????????????????????????
    a justiça em portugal chega a ser mais sinistra que no Brasil

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.