Câmara de Condeixa reativa banco de voluntariado local

Posted by
Foto Luís Carregã

Foto Luís Carregã

A Câmara Municipal de Condeixa-a-Nova anunciou que vai reativar o banco de voluntariado local para facilitar o encontro entre instituições que queiram acolher voluntários e pessoas que queiram prestar este serviço.

Numa nota de imprensa, o município explica que se propõe “fazer a seleção dos voluntários através de uma entrevista personalizada, com vista a delinear as aptidões pessoais de cada um, para posteriormente proceder ao encaminhamento dos voluntários para as instituições que os irão receber”.

Segundo a autarquia, o compromisso entre a instituição e o voluntário é efetivado com a elaboração de um “Programa de Voluntariado”, um compromisso formal escrito no qual vão constar os direitos e deveres do voluntário, mas também da entidade promotora.

A câmara adianta que podem inscrever-se no banco de voluntariado local todas as pessoas com mais de 18 anos, com alguma disponibilidade de tempo, mas, sobretudo, “com vontade de ajudar de forma livre, não remunerada, desinteressada e responsável”.

À agência Lusa, a vereadora responsável pelos pelouros da educação, cultura e ação social, Liliana Pimentel, afirmou que o banco foi desativado “há cerca de quatro anos”, notando que, apesar de à data “haver pessoas interessadas, não havia disponibilidade de coordenação”, o que “é importante para fazer a ponte entre as pessoas e instituições interessadas”.

“Este trabalho passa a ser feito sob tutela da câmara”, esclareceu Liliana Pimental, acrescentando que várias pessoas têm expressado vontade em realizar voluntariado.

Segundo a autarca, nos ateliês ocupacionais promovidos pela autarquia, nos quais participam pessoas desempregadas e reformadas, há quem manifeste interesse em realizar outras atividades.

“Muitas destas pessoas têm perfil para serem voluntárias e, dessa forma, poderem responder a lacunas de alguns serviços municipais, associações ou outras entidades”, exemplificou, esperançada em “muita adesão” ao banco, que arranca na quarta-feira.

Neste dia, no âmbito das I Jornadas Solidárias, decorre uma ação de sensibilização sobre o voluntariado, aberta a todos os interessados, na sala de reuniões do serviço de ação social e saúde, a partir das 10:30 horas.

Já à tarde, é desenvolvida uma ação de intervenção junto de munícipes sinalizados pelos serviços de ação social do concelho denominada “Vamos melhorar o seu lar” com o apoio de alguns voluntários.

As pessoas interessadas devem inscrever-se na Loja Social. As áreas de intervenção são diversas, indo desde o ambiente à terceira idade, da cultura ao desporto, da proteção civil à defesa dos animais, entre outras.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.