Parcerias garantem cartaz do Jazz ao Centro

Posted by

JAZZ AO CENTRO

As parcerias, com entidades públicas e privadas, garantem este ano a programação de topo do Jazz ao Centro – Encontros Internacionais de Jazz de Coimbra, a trazer alguns dos nomes maiores do jazz europeu – como o pianista alemão Joachim Kühn ou a contrabaixista francesa Joëlle Leandre –, mas também o pianista americano Matthew Shipp, um dos mais destacados nomes do jazz que hoje se faz.

Entre 29 de maio e 1 de junho, em cinco espaços da cidade, o festival acontece com sete concertos destinados a todos os públicos. O preço dos bilhetes – entre os cinco e os sete euros – incentiva exatamente essa intenção.

Esta semana, no Salão Brazil, desde 2012 a casa do Jazz ao Centro Clube (JACC) – que a 30 de abril, Dia Internacional do JAZZ, assinalou o seu 11.º aniversário –, foi apresentado o cartaz do Jazz ao Centro – Encontros Internacionais de Jazz de Coimbra 2014, com a presença de alguns dos responsáveis pelas entidades e empresas que assumem a parceria do evento que pretende continuar a afirmar Coimbra no caminho da “excelência”.

Para José Miguel Pereira, responsável pela produção do Jazz ao Centro, “o festival não se faz com a qualidade que a sua programação demonstra sem as parcerias que conseguiu”. Entre estas, há antigas – a Câmara Municipal de Coimbra, que apoia o JACC desde a primeira hora e que, este ano, praticamente se “substitui” à Direção Geral das Artes, que cessou o seu apoio, a Caixa Geral de Depósitos (patrocinador principal), a Universidade de Coimbra ou a Direção Regional de Cultura do Centro –, e novas – Critical Software, ISA, Open Limits, Fundação Bissaya Barreto e o Goethe Institut – parcerias. E há ainda outras que regressam, como o Museu Nacional Machado de Castro, a acolher um dos concertos de Matthew Shipp.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.