Tudo o que é preciso fazer em planeamento da floresta “está feito”

Posted by

794669O secretário Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural, Gomes da Silva, defendeu que a floresta nacional tem uma estratégia e segue um planeamento, não estando lançada ao abandono como por vezes se quer fazer crer.

“Ao contrário do que se diz, tudo o que é preciso fazer do ponto de vista do planeamento está feito e não é verdade que se possa fazer em Portugal na floresta o que se quer”, sustentou.

No encerramento do Seminário “Caramulo, pensar o presente, planear o futuro”, que decorreu ao início da noite, no Caramulo, Gomes da Silva rejeitou que a floresta esteja a seguir um caminho não planeado. Admitiu, no entanto, que nem todos estejam a seguir a lei.

“Parece que, quando se fala de floresta, que esta é uma floresta abandonada, em que nada está planeado, mas não é assim. Agora, se me dizem que há quem não cumpra a lei, é verdade, e é preciso ter mais força e maior capacidade de fiscalização”, sustentou.

O representante do Governo sublinhou que o papel de fiscalização cabe ao Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), através do novo regime de arborização.

One Comment

  1. Lamento profundamente ouvir este Secretário de Estado a afirmar que "está tudo bem", prova da sua falta de competência para a pasta que tutela. Sr. Secretário de Estado, dispa o fato, tire a gravata e vista roupa de campo, pois é assim que pode começar a conhecer a floresta portuguesa, embrenhando-se na mesma e sujando-se, só assim poderá saber do que fala, o que não é manifestamente o caso.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.