Bruno Matias é o vencedor improvável

09 MATIAS DR“Sempre acreditámos, mas era um bocadinho improvável”. É o próprio vencedor das eleições à direção-geral da Associação Académica de Coimbra (DG-AAC) a admiti-lo.

Bruno Matias, candidato pela lista T (Tu Tens Académica), venceu a segunda volta das eleições com 4.571 votos, contra os 4.224 (44%) de Samuel Vilela, da lista A (Mais Academia), que tinha vencido a primeira volta com uma vantagem de 254 votos. Desta vez, Vilela perdeu por 347.

“Sempre acreditámos numa vitória, mas era improvável crescer cerca de 600 votos em relação à primeira volta das eleições. Foi uma coisa fantástica”, afirmou Bruno Matias.

Contudo, para o estudante de Direito, esta não foi a “única situação peculiar” que ocorreu neste ato eleitoral.

 

Ver versão completa na edição impressa

One Comment

  1. "Peculiar" é o dinheiro que estes miúdos gastam numas eleições destas. "Peculiar" são as fontes desse dinheiro….

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.