Buscas para encontrar pescadores desaparecidos na Figueira da Foz retomam este domingo

Rui Amado

As buscas para encontrar os dois pescadores desaparecidos, na sequência do naufrágio da embarcação “Jesus dos Navegantes”, no Cabedelo, vão ser retomadas amanhã, pelas 07H30, segundo o comandante da Capitania da Figueira da Foz.

“A corveta vai-se manter a noite toda a continuar as buscas. E, em princípio, atendendo ao agravamento do estado do mar, amanhã vamos ter também o empenhamento do meio aéreo”, explicou Rui Amado, em declarações aos jornalistas.

Recorde-se que, no interior da embarcação estavam oito tripulantes – não usavam coletes salva-vidas. Cinco dos quais foram resgatados ontem, pelo Instituto de Socorro a Náufragos, e três pescadores estavam desaparecidos no mar.

Entretanto, hoje, durante a manhã, um dos pescadores que havia sido resgatado e se encontrava em estado crítico Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, acabou por falecer naquela unidade hospitalar. Luís Santos, de 48 anos, estava “no Serviço de Medicina Intensiva com prognóstico extremamente reservado”.

Também um dos três pescadores que estava desaparecido foi resgatado sem vida, de manhã, por um helicóptero da Força Aérea, que participava nas buscas. O corpo de José Postiga, de 54 anos, foi “encontrado a cerca de uma milha e meia a oeste” da zona onde ocorreu o naufrágio.

Ainda durante o dia de hoje foram encontrados, segundo o comandante, vários destroços. “Confirma-se o aparecimento do casco que está praticamente onde a embarcação se afundou, a cerca de 200 jardas a sul do molhe Sul”, afirmou Rui Amado. Não obstante, o comandante referiu que as buscas serão direcionadas para norte”,  tendo em conta que o casario, artes de pesca e vestuário terão aparecido a oeste do Cabo Mondego, “contrariamente ao que era expectável”.

Rui Amado explicou que as buscas realizar-se-ão ente o molhe Sul e Quiaios. A barra do Porto da Figueira da Foz está fechada a embarcações de comprimento inferior a 11 metros.

 

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.