Música e dança imortais abrem V Festival das Artes

28 Sagração da Primavera_de_Ricardo_Brito

Stravinski e Ravel, nomes maiores da história da música, legaram parte da sua genialidade em obras como “A sagração da Primavera” e “La valse”. Agora, a Companhia Nacional de Bailado (CNB) deu-lhes (uma outra) vida, num espetáculo feito de música, dança e cinema, com o qual abre, amanhã, o V Festival das Artes, em Coimbra.

Concretizado no momento em que “A sagração da Primavera” faz 100 anos – 1913-2013 –, este é um espetáculo com o qual a Companhia Nacional de Bailado (CNB) celebra a efeméride, o que acontece muito pela “força da coreografia de Olga Roriz e a excelência dos bailarinos da CNB, com a música da Orquestra Sinfónica Portuguesa, num raro encontro entre música e dança”.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.