Eu deputado – Dois anos

Posted by

SERPA OLIVA

Serpa Oliva

Passaram dois anos desde que os portugueses nos escolheram, juntamente com o PSD, para o Governo. Porque a memória é fraca, lembro-vos que na altura estávamos à beira do abismo, sem dinheiro para pagar salários, pensões ou o que quer que fosse.

Da Assembleia saiu um Governo que reuniu um conjunto de personalidades que são seguramente uma enorme mais-valia para o país. Esse conjunto de pessoas, num esforço acima de qualquer suspeita, conseguiu, em dois anos, criar um novo futuro para o país.

Nem tudo correu como desejado e muitas das projeções ficaram aquém do pretendido. De uma vez por todas que fique na mente de cada um de nós que aquilo que se procurou foi sempre o bem dos portugueses.

Nunca, como durante estes dois anos, se lutou tanto contra lóbis instalados e se fizeram reformas que todos diziam ser essenciais, mas que ninguém tinha tido a coragem de resolver e aplicar.

Ao longo deste tempo, lamenta-se o facto de o PS deixar de dar à maioria a sua solidariedade nas matérias que tiveram que ser assumidas. Não queria evocar aqui a origem da sua responsabilidade, mas custa-me que o maior partido da oposição, europeísta convicto como nós, não queira separar um mero jogo de oportunismo político para connosco salvar Portugal.

Todo o universo PS sabe tão bem como nós que os dois anos que trilhámos eram imprescindíveis para podermos, no mais curto espaço de tempo, sair do jugo da troika.

E sabe também que a Europa, com algumas contradições, é seguramente o nosso destino. As primeiras medidas económicas e a estabilização relativamente à austeridade deixam-nos a certeza de que Portugal vai vencer.

A todos aqueles que sofreram e sofrem pelos caminhos que decidimos trilhar, a minha mais profunda solidariedade.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.