Realizador de Leiria vence prémio em festival internacional de cinema no Egito

EM TERRA FRAGIL

 

O realizador Bruno Carnide, de 25 anos, venceu o prémio de “melhor diretor de fotografia” do festival internacional de filmes do Egito com a curta-metragem, “Em Terra Frágil”, disse o próprio à agência Lusa.

A distinção foi votada pelo público do Moscar Al-Hurria International Film Festival, ao qual concorreram 103 filmes de 25 países.

“Apesar de já ter sido premiado, esta distinção é a mais importante porque é internacional”, sublinhou o realizador de 25 anos, natural de Leiria, definindo a sua atribuição como “genuína e sincera, porque ninguém da equipa esteve presente no festival e porque foi o próprio público que votou”.

O prémio foi atribuído na quarta-feira, dia em que terminou a terceira edição do festival.

Ainda no mês de abril, Bruno Carnide foi selecionado para o FESTIN – Festival de Cinema Itinerante de Língua Portuguesa, com a curta-metragem de ficção «Do Not Stop».

“Em Terra Frágil” participou ainda no Index – Festival de Cinema e Experimentação, organizado pela VASTAPLATEIA – Associação Cultural pela Arte Experimental, que decorreu em Tomar também durante este mês, e venceu o Prémio CinEuphona 2012.

Bruno Carnide licenciou-se em Som e Imagem na Escola Superior de Arte e Design de Caldas da Rainha e iniciou-se no cinema em 2009 com a curta-metragem de animação “Os teus últimos dias como criança”.

 

Texto Agência Lusa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.