Prevenção “antecipa” AVC nos CHUC

Posted by

horas de sorte. Uma mulher, com cerca de 50 anos, sofre um AVC em pleno rastreio, nos CHUC-HUC. A hora, o local e o rápido envio para o serviço certo (a urgência) fizeram com que a história tenha um final feliz e a utente fique, não com mazelas físicas, mas com uma boa história para contar aos filhos ou aos (futuros) netos.

Ontem, em conferência de balanço dos dois dias de rastreios nos CHUC-HUC realizados no âmbito do Dia Mundial do AVC, os responsáveis pelos serviços envolvidos – Neurologia, Cardiologia, Medicina Interna e Medicina Física e Reabilitação – reconhecem que é urgente “anteciparmo-nos ao AVC” que é, ainda hoje, uma das causas que mais mata em Portugal.

Nos dias 29 e 30, foram observadas 301 pessoas, entre os 21 e os 86 anos, maioritariamente mulheres (60 por cento). Os doentes com risco vascular moderado ou elevado foram ainda observados por médicos neurologistas, cardiologistas e de medicina interna. A avaliação clínica foi complementada com a realização de eletrocardiograma em 89 casos e ecografia doppler carotídeo-vertebral em 54 casos.

Versão completa na edição impressa

One Comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.