Entidades regionais do Turismo alertam para desinvestimento do Governo na promoção

Posted by

A Associação Nacional das Entidades Regionais de Turismo (ANERT) disse que o Governo está a desinvestir na promoção do país e no apoio de eventos.

As entidades regionais “não estão a fazer promoção, o que coloca em causa a vinda de turistas”, afirmou à agência Lusa António Carneiro, presidente da assembleia-geral da ANERT e presidente do Turismo do Oeste.

A posição foi tomada pelas entidades regionais na última assembleia-geral da ANERT, realizada na segunda-feira.

Para o responsável é um contrassenso, quando membros do Governo têm viajado até ao exterior para promover o país e atrair investimento.

Referindo-se à secretária de Estado do Turismo, António Carneiro questionou a ida da governante à Índia.

“Como é que pode ir à Índia se a Índia não é nem pode ser um mercado, porque não temos voos”, perguntou.

As entidades regionais do Turismo são unânimes em afirmar que o Governo “não tem uma estratégia para Portugal entrar no mercado”.

Para António Carneiro, o Governo anda a efetuar “revisões de revisões” do Plano Estratégico Nacional para o Turismo. Além disso, referiu, foi anunciado que a revisão iria ser levada a conselho de ministros para aprovação, mas “faltou a consulta pública”, entretanto aberta, continuando o novo PENT sem entrar em vigor.

A ANERT criticou também “a absurda manutenção” de elevadas taxas de IVA no golfe e na restauração, que estão a “arruinar” estes setores, “quando a Irlanda está a reduzi-las como forma de dinamizar o mercado interno”.

As quebras de faturação rondam os 70 a 08 por cento, refere a ANERT.

Segundo a associação, a austeridade fiscal “vai promover a contração da procura oriunda do mercado interno e do mercado espanhol”.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.