A crise é tal que já chegou à sátira (com fotos)

Spread the love

 

As ruas da cidade voltaram ontem a encher-se de jovens estudantes a viverem os seus primeiros dias de Coimbra, de pais e avós emocionados e de esperança, ainda alguma esperança a erguer-se contra a crise.

E a contestação previsível – mesmo que a veia satírica já não corra como a de outros tempos – nos dias loucos de desvario político e de liderança coletiva em que estamos mergulhados.

Mas o cortejo da Latada 2012 fica marcado pela abertura em toque dramático protagonizada por um conjunto de jovens estudantes da Associação Académica de Coimbra (AAC), encabeçada por Ricardo Morgado, o presidente da direção geral que acabou de anunciar a sua recandidatura.

Com a emigração a servir de mote e horizonte a um futuro cada vez menos certo, as malas aviadas e o cartão de embarque (da sugestiva Companhia Austeridade Airlines) afirmavam-se de uma eloquência avassaladora.

Versão completa na edição impressa

3 Comments

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.