Engenharias penalizadas no ingresso ao ensino superior

Posted by

A mudança de regras no acesso aos cursos superiores de engenharia provocou uma verdadeira revolução no ingresso a estes cursos, de acordo com a divulgação da lista de acesso por instituição de ensino, tornada pública na noite de sábado.
Enquanto os cursos da área de saúde quase rebentavam a escala, como acontece todos os anos, houve uma redução enorme nas médias de entrada nas engenharias, tudo por causa da exigência de aprovação obrigatória nos exames de Matemática e Física do 12.º ano.
Assim, não admira que 1/3 dos cursos da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC) e todos (com uma exceção) do Instituto Superior de Engenharia (ISEC) do Politécnico de Coimbra tenham ficado com vagas por preencher para as 2.ª e 3.ª fases.

 

Toda a informação na edição impressa de hoje (12 de setembro de 2012) do DIÁRIO AS BEIRAS

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.