Custos da certificação do mel podem desmotivar apicultores

Posted by

A feira do mel levou ontem às ruas do Espinhal um movimento pouco habitual. Nas bancas das cerca de três dezenas de apicultores, ordeiramente dispostas pelas ruas da vila do concelho de Penela, ao lado dos frascos de mel certificado da Serra da Lousã perfilavam-se muitas outras iguarias, como os licores, a aguardente e o vinagre de mel e as compotas.

A Feira do Mel do Espinhal, o mais antigo certame do género, foi inaugurada ontem por Paulo Júlio, secretário de Estado da Administração Local e Reforma Administrativa e antigo presidente da Câmara de Penela.

Foi pioneira no tempo mas também na exigência de só admitir como apicultores com mel certificado, recordou ontem Jorge Pereira, presidente da Junta de Freguesia do Espinhal.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.