Bombeira que morreu no fogo de Côja vai amanhã a enterrar

Posted by

 

A hora do funeral de Patrícia Abreu, vítima do fogo de sábado no concelho de Arganil, foi alterada para as 14H00 de amanhã, quando inicialmente tinha sido agendada para as 10H30. Até lá, e a partir da tarde de hoje, o corpo fica em câmara ardente no quartel dos Bombeiros Voluntários de Côja.

Uma equipa da Proteção Civil Distrital de Coimbra, liderada pelo comandante António Martins, procedeu, ontem às 12H00, a uma inspeção minuciosa do local onde morreu, ao início da noite de sábado, a operacional dos Bombeiros Voluntários de Côja. A vítima, com 25 anos de idade e também casada com um bombeiro, sucumbiu às queimaduras quando se preparava para fugir, com mais quatro colegas, depois da viatura dos bombeiros ter ficado imobilizada entre um barranco e uma árvore, num caminho florestal de Barril do Alva, Arganil. António Martins disse à reportagem do DIÁRIO AS BEIRAS que ontem, já à luz do dia, encontrou o veículo “numa condição de despiste”, atendendo a que se encontrava fora do caminho. Essa é uma possibilidade, uma vez que à hora do trágico acidente a visibilidade era quase nula, agravada pelo intenso fumo.

Toda a informação na edição impressa do DIÁRIO AS BEIRAS de hoje, 19 de setembro

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.