Quiaios, Buarcos, S. Pedro e Leirosa veem passar a crise ao largo da costa

Posted by

Exortado a fazer o balanço da primeira metade da época alta, Domingos Silva, administrador do Casino Figueira, responde com uma pergunta: “estamos mesmo na época balnear…?”. Vamos tentar perceber se, este ano, o verão turístico na Figueira da Foz ainda é o que era.

A falta de animação na cidade, o extenso areal urbano, a crise (em Portugal e Espanha) e a instabilidade meteorológica são apontados como causas principais para a diminuição de banhistas na Praia da Claridade.

As portagens nas SCUT, o constante aumento dos combustíveis, a subida dos impostos, o desemprego e os funcionários públicos sem subsídio de férias também concorrem para a trajetória descendente.

Versão completa na edição impressa

 

4 Comments

  1. figueirense says:

    Não há dúvida que a metereologia tem sido um incómodo apoio ao domínio da "CRISE", mas… face a esta instabilidade, infelizmente sistémica, a Figueira não teve nos últimos anos, largos por sinal, uma estruturação actuante de complementariedade e alternativa. A Figueira vive, ainda,do "remember" "Rainha das Praias", quando não passa de uma simples "AIA",corcunda,mendiga, apelando para uma morte rápida. A Figueira "MORREU" provocada por uma entidade bolorenta e ridicula de ideias,FGT, que olha para o seu umbigo, que só programa para momentos de ocasião, sem diálogo aberto e claro com os empresários, jogando no escuro com empresários(?) de ocasião. Nome pomposo "Figueira Grande Turismo", grande de cigarra, que não de formiga, metódica, dialogante, projetora e executora. A Figueira esta caótica na área de animação e lazer. Placares enormes anunciam, nos pontos mais abrangentes da cidade, animação… mas em Cantanhede!!! A FGT anuncia o NADA e sem animação a Figueira não sobrevive!

  2. ARRE FDX says:

    É verdade ou não que Roberta Medina queria fazer grandes concertos no extenso areal da praia da figueira , e que não deixaram , porque ? estragavam a areia ?
    A Figueira não tem nada e tambem não deixam fazer nada , é só gente incompetente a governar-nos .

  3. Concordo plenamente com o comentário anterior.
    E como é possível uma cidade que vive muito do turismo, nem sequer tenha uma mapa da cidade grande na zona da estação e rodoviária, que não tenha um gabinete de turismo para informar as pessoas e não haja placas para onde se encontram as coisas em inglÊs?! Não consigo perceber…..

  4. façam qualquer coisa naquele "deserto" (areal) , o povo não vai para a praia da claridade ,foge , para outras com menos areia , uma estrad um jardim qualquer coisa por favor

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.