CERVAS liberta 30 aves selvagens recuperadas na Guarda

Posted by

O Centro de Ecologia, Recuperação e Vigilância de Animais Selvagens (CERVAS) vai libertar, a partir de domingo, 30 aves selvagens em concelhos dos distritos de Guarda, Viseu, Coimbra, Aveiro e Castelo Branco, que recuperou de ferimentos ou de estados de debilidade.

As aves foram recuperadas depois de recolhidas feridas, debilitadas ou após saírem precocemente dos seus ninhos.

Nalguns casos as devoluções à Natureza serão integradas em eventos, como são os casos da II Feira de Caça da Nave, em Alvite (Moimenta da Beira), ou do Festival Danças na Água, em Ratoeira (Celorico da Beira), numa perspetiva de educação ambiental.

A maior parte das espécies são aves de rapina noturnas, nomeadamente um bufo real, mochos galegos, corujas do mato e corujas das torres.

Fazem ainda parte deste grupo aves de rapina diurnas, como uma ógea, águias de asa redonda e milhafres pretos. Outras aves como cegonhas brancas, andorinhões pretos e andorinhões pálidos regressarão também aos céus.

O CERVAS é uma estrutura do Parque Natural da Serra da Estrela (PNSE)/Instituto da Conservação da Natureza e da Biodiversidade (ICNB), instalado em Gouveia. Desde o início da sua atividade, em 2006, já devolveu à Natureza cerca de 800 animais selvagens, maioritariamente aves.

(Texto: Agência Lusa)

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.