Politécnico de Leiria ensina mandarim a crianças dos jardins de infância

Posted by

Foto António Rosado

A Escola Superior de Educação e Ciências Sociais (ESECS) do Instituto Politécnico de Leiria (IPL) vai promover, no próximo ano letivo, o ensino de mandarim a crianças que frequentam jardins de infância do concelho.

“Queremos promover um primeiro contacto com uma língua diferente, porque achamos que desta forma podemos disseminar esta noção mais multicultural para perceberem que não existe apenas uma forma de escrever e uma única cultura”, disse hoje à Lusa a professora de mandarim e português Sara Costa.

A decisão de avançar para este projeto experimental surgiu depois da experiência do curso de mandarim destinado a crianças entre os 7 e os 12 anos, durante as férias escolares da Páscoa, e após uma solicitação de um jardim de infância da cidade.

“Será também uma forma de promovermos a interação entre os alunos do curso de mandarim”, salientou a docente, explicando que o projeto não deverá contar com mais do que cinco jardins de infância.

O diretor da ESECS, Luís Barbeiro, explicou que no passado “foi detetado um interesse por parte das crianças em aprenderem caligrafia chinesa”, razão pela qual se deram os primeiros passos nesta partilha de noções básicas de mandarim e cultura chinesa.

Hoje, no primeiro dia da 1.ª Conferência Internacional Pontes Europa-China organizada pelo IPL, o diretor da ESECS aproveitou para anunciar a abertura, no próximo ano letivo, de um mestrado em Tradução e Interpretação Português-Chinês e Chinês-Português.

O IPL iniciou a formação em mandarim em 2006, “possibilitando o intercâmbio de estudantes portugueses e chineses, “mas também de professores”, frisou na abertura da conferência o presidente da instituição, Nuno Mangas.

“Esta parceria com o o Instituto Politécnico de Macau e com a Beijing Languages and Cultures University é um desafio para continuar a construir projetos em comum”, defendeu.

Desde 2011 que o Politécnico leciona cursos livres de mandarim para profissionais.

2 Comments

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.