Jovem de 19 anos detido em Tábua fica em prisão preventiva

Posted by

Um jovem de 19 anos, suspeito de furtos em hipermercados, foi detido em Tábua e ficou em prisão preventiva, por decisão do Tribunal de Instrução Criminal (TIC) de Coimbra, revelou um oficial da GNR.

O suspeito “foi detido por um popular e pelo gerente” do Intermarché de Tábua, “por furto de diversos artigos” naquele hipermercado, tendo sido depois entregue à GNR local, na quarta-feira.

“Tinha na sua posse 33 embalagens de protetores solares, num valor total de 346 euros, tendo usado [para o furto] um saco de compras de grandes dimensões, que acabou por abandonar, quando da abordagem do popular, já no exterior do estabelecimento”, nas imediações do posto da GNR, segundo o capitão Armando Videira.

Em comunicado divulgado esta noite, o comandante do Destacamento Territorial da Lousã afirma que a Guarda Nacional Republicana (GNR) veio a “concluir que o suspeito já tinha igualmente ‘visitado’ o hipermercado Minipreço”, em Tábua, onde furtara diversas embalagens de “after shave”, no valor de 110 euros.

“Diligências mais aprofundadas correlacionaram-no com outros furtos em estabelecimentos similares” em Vila Nova de Gaia, Guimarães, Mem Martins e Montijo.

Por determinação do magistrado do Ministério Público (MP) de Tábua, o suspeito, de nacionalidade romena, ficou detido no posto local da GNR, tendo sido presente hoje no MP e depois encaminhado para o TIC de Coimbra, onde lhe foi aplicada a prisão preventiva.

O arguido deu entrada no Estabelecimento Prisional de Aveiro.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.