Homenagem ao mais antigo filarmónico da Figueira da Foz

Posted by

Nicolau dos Santos Fonseca, 87 anos, é o filarmónico do concelho da Figueira da Foz que se mantém no ativo há mais tempo. Aliás, já perdeu a conta aos anos da sua carreira musical. “Acho que comecei em 1940. Ou talvez em 1945…”, diz o músico ao DIÁRIO AS BEIRAS.
A pandeireta foi o seu primeiro instrumento, que tocou no Ateneu Alhadense. Depois, trocou o instrumento de percussão por um de sopros, o clarinete. Mais tarde viria a substituir este por outro da mesma família, o saxofone alto. Do alto da sua madura idade, Nicolau Fonseca afirma, com espontâneo sentido de humor: “sinto-me um jovem músico de 87 anos”.
Mas não é só na música que o octogenário continua ativo. Ele também é proprietário de uma das últimas e mais antigas tabernas da Figueira da Foz, onde passa os seus dias, atrás do balcão. A sua octogenária juventude permite-lhe ainda continuar a tocar na filarmónica da Sociedade Boa União Alhadense.
O músico da banda de Alhadas foi homenageado pela Confederação Nacional das Coletividades, sábado à noite, no Casino Figueira. Foi mais uma homenagem, entre as diversas que já lhe fizeram. Recorde-se que a Câmara da Figueira da Foz atribui-lhe, recentemente, uma medalha de mérito.
(Artigo completo na edição impressa do DIÁRIO AS BEIRAS)

Autor: Jot´ Alves

4 Comments

  1. Maia Fernandes says:

    Parabens ao meu primeiro patrão, que continue por mais alguns anos na vida activa que éo que ele gosta, quer no mundo da musica como do comércio na Rua da Republica.

  2. Fernando Gonçalves says:

    A minha homenagem a um GRANDE HOMEM.
    Um exemplo para todos os que com ele convivem, na Filarmónica de Alhadas.
    Deve mesmo ser o músico filarmónico mais antigo em atividade, não só no concelho da Figueira da Foz, mas também no País e na Europa. Digo eu…

  3. Fernandito says:

    Parabens Tio.
    Um grande abraco e nao pare.

  4. José Firme says:

    Grande Músico, Grande Homem, Grande companheiro, Excelente pessoa… Tantas pessoas já passaram pelas fileiras da Banda e foram… E Ele ali,sempre fiel à causa, sempre empenhado no melhor contributo… è sem dúvida uma honra ter estado anos ao seu lado e hoje dirigi-lo! Obrigado Sr. Nicolau

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.