208 da Peugeot com três e cinco portas

Foto Carlos Jorge Monteiro

Os engenheiros da marca garantem-no e o ensaio de condução confirma: a conceção do banco do condutor e a regulação do volante são à prova de fadiga.

A nova posição de condução – com o banco a envolver todo o corpo do condutor – e a tecnologia de volante (mais pequeno e de retorno ativo, após realização de curvas), eram dois dos segredos mais bem guardados do Peugeot 208 até ao seu lançamento, que ocorreu no último fim de semana. Por isso, o slogan de lançamento é “let your body drive”.

Com três e cinco portas, o novo modelo, desenhado de raiz, sucede ao 207, mas tem mais 15 litros de volume de bagageira e mais cinco centímetros de espaço entre os joelhos dos passageiros de trás e os bancos da frente. Todavia, o fabricante anuncia que o carro é sete centímetros mais curto exteriormente, o que quer dizer que, para ganhar espaço, foram aplicadas inovações em termos de tecnologia, ergonomia e materiais de contrução, 25 por cento dos quais são biodegradáveis.

 

Mais informação na edição impressa de dia 24/04/2012

António Rosado

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.