Municípios do Baixo Mondego preocupados com fecho à noite da Urgência dos Covões

Posted by

Face ao anunciado encerramento do Serviço de Urgência do Hospital dos Covões, a Comunidade Intermunicipal do Baixo Mondego (CIM-BM) e as câmaras municipais de Cantanhede, Coimbra, Condeixa-a-Nova, Figueira da Foz, Mealhada, Mira, Montemor-o-Velho, Mortágua, Penacova e Soure, solicitaram uma reunião, com caráter de urgência, com o presidente do conselho de administração do CHUC, José Martins Nunes.

A moção aprovada na reunião do concelho executivo da CIM-BM, que decorreu em Montemor, adverte a administração do CHUC para que “tenha a prudência de não tomar qualquer decisão sem que sejam tornadas públicas as razões substantivas que justifiquem o eventual encerramento noturno do Serviço de Urgência do Hospital dos Covões e sem que seja avaliado e tornado público o impacto nas populações servidas por este hospital”.

Versão completa na edição impressa

One Comment

  1. Os senhores que apostam no fecho das urgências do hospital dos Covões (CHC) tornando as urgências dos Hospitais da Universidade de Coimbra num verdadeiro caos, são os mesmos que quando recorrerem a estes serviços serão imediatamente atendidos, passando por cima de tudo e de todos, logo é-lhes completamente indiferente a existência de uma ou duas unidades de urgência/emergência.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.