Empresários admitem que serviços do IEFP funcionam melhor em Coimbra

Foto Luís Carregã

 

Em Coimbra, não são frequentes “grandes aglomerações” de desempregados junto ao centro do IEFP “provavelmente devido às características do tecido económico da região, caracterizado por empresas de pequena dimensão e dominado pelos serviços”, admitiu, à Lusa, Armindo Gaspar, presidente da Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra (APBC).

“Isso não significa”, no entanto, que “não haja, como no resto do país, muito desemprego”, mas antes que ele se vai manifestando, “aqui, de uma forma gradual e distribuída no tempo”, sublinha.

Paulo Mendes, presidente da Associação Comercial e Industrial de Coimbra (ACIC), concorda, mas julga que existem outras razões que também explicam as filas mais “curtas” no centro de emprego. “No concelho de Coimbra o desemprego deverá estar ligeiramente abaixo da média nacional”, calcula Paulo Mendes, considerando, por outro lado, que o IEFP disporá aqui de “melhores condições do que noutras cidades”.

Tais circunstâncias não dispensam, porém, a criação, também em Coimbra, de “unidades de gestão”, que “aproximem mais o desempregado das empresas” e “torne mais eficaz a relação” entre empregadores e quem procura trabalho, como, recentemente, “foi admitido pelo governo”.

A capacidade de resposta dos funcionários do IEFP e, porventura, as condições de que dispõem as suas instalações, poderão ajudar a explicar a circunstância de Coimbra não registar grandes filas de espera à porta do centro de emprego, admite o presidente da câmara, João Paulo Barbosa de Melo, sublinhando, no entanto, que não conhece bem a situação.

“Uma coisa é certa”, a avaliar pela ausência de reclamações na câmara, “o IEFP em Coimbra” funciona bem, acrescenta o autarca, referindo que é frequente os cidadãos pedirem à Câmara para intervir junto de entidades, por estas funcionarem mal.

8 Comments

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.