Empresários do Interior avançam com ações contra Estado e ministros

Posted by

DR

O movimento Empresários pela Subsistência do Interior (ESI) vai avançar com ações para levar o Estado e membros do Governo a tribunal, exigindo indemnizações pelos prejuízos causados com a introdução de portagens nas autoestradas do interior.

O anúncio foi feito esta terça-feira (29) pelo porta-voz do ESI, Luís Veiga, no final de um plenário que reuniu algumas dezenas de empresários na Covilhã para discutir o diploma publicado na segunda-feira em Diário da República.

O diploma estabelece o pagamento de portagens nas concessões SCUT do Algarve (A22), da Beira Interior (A23), no Interior Norte (A24) e na Beira Litoral e Alta (A25) a partir de 08 de dezembro.

Segundo Luís Veiga, “os empresários vão avançar com uma ação administrativa comum contra o Estado, exigindo indemnizações pela frustração de negócios e lucros cessantes”.

One Comment

  1. João Lima says:

    Ai os empresários agora estão preocupados? Não tivessem votado PSD, já sabiam que esta corja ia fazer isto. Eu propunha que se portajasse a via rápida de Taveiro

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.