Simões ainda não revela a distribuição dos pelouros na direção

Foto Gonçalo Manuel Martins

Pouco depois das 13H00, José Eduardo Simões entregava ao funcionário da secretaria as suas listas, na companhia de Gonçalo Reis Torgal, Fernando José Oliveira e António Preto. O candidato disse que conta com “uma direção una e coesa, com gente jovem mas responsável e acima de tudo com grande experiência de vida e que em tudo o que faz tem sucesso. São pessoas como estas que queremos na Académica”.

Simões não quis, para já, revelar quem fica com que cargos na sua direção, sendo de antever algumas mudanças de pelouros.

Um dos “reforços” é António Figueiredo, a que José Eduardo Simões reconhece “um trabalho muito bom quando passou pela Académica”. Para além disso, referiu, “é importante recuperar uma ligação à faculdade de Desporto, de quem ele é subdiretor”.

Carlos Clemente volta a acompanhar Simões, mas o candidato diz que “não acreditaria que fosse possível ir noutra lista”.

José Eduardo Simões recordou ainda Jorge Alexandre, seu ex-vice-presidente. “Esteve comigo na sexta-feira e deu-me o apoio explícito. O facto de ter saído da direção em nada afetou o nosso relacionamento”.

Quanto a Camilo Fernandes, o recandidato lembrou que “este não faz parte dos cadernos eleitorais” e José Pedro Peixoto também foi recordado. “É um jovem com quem contamos e que já deu muito à Académica. Foi fulcral e brilhante e é alguém com quem a Académica deve sempre contar”. O programa de Simões deve ser apresentado “no final desta semana”.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.