Paulo Bento alerta para a necessidade de formação de guarda-redes em Portugal

O selecionador nacional de futebol, Paulo Bento, alertou esta quinta-feira (28) para a necessidade de se criarem cursos de formação de guarda-redes em Portugal, a fim de que o número decrescente destes atletas de campo se altere.

“Há um decréscimo de guarda-redes portugueses na Liga (apenas cinco são habituais titulares). Queremos que essa realidade se altere. Este evento visa, acima de tudo, sensibilizar e motivar para a função específica que é a de guarda-redes em campo. Com este tipo de ações podemos preparar melhor o nosso futuro”, salientou o selecionador nacional, durante a apresentação do workshop sobre a temática, a ter lugar a 16 de maio, no Estádio Cidade de Coimbra.

Paulo Bento reiterou que esta ação visa “motivar” mais os jovens para esta “posição específica” no campo, realçando também que é preciso esclarecer o público que “o guardião é um jogador tão importante como qualquer outro” e não deve ser visto como “um elemento isolado da equipa”.

O responsável máximo nacional destacou a importância dos guarda-redes nas melhores equipas estrangeiras dentro dos “quatro momentos do jogo”, exemplificando com os casos do Barcelona e Real Madrid, entre outros.

Ricardo Peres, treinador de guarda-redes da seleção nacional e um dos organizadores da iniciativa (o outro é Pedro Roma), alertou para a necessidade premente da criação de cursos de treinadores de guarda-redes em Portugal.

O Workshop “O Guarda-redes em Jogo”, que vai ter lugar a 16 de maio no Estádio Cidade de Coimbra, terá uma vertente teórica-prática na manhã desse dia e, à tarde, uma mesa redonda com todos os participantes e oradores.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.