Politécnico de Castelo Branco desenvolve aplicação robótica para cirurgia ortopédica

O Instituto Politécnico de Castelo Branco (IPCB), através da sua Escola Superior de Tecnologia (EST), está a desenvolver uma aplicação na área da robótica médica, para permitir aumentar a precisão de cirurgias na área da ortopedia.

Em declarações à Lusa, o coordenador do projeto e docente na EST, Paulo Gonçalves, explicou “que a aplicação promove a colaboração entre um robô e o cirurgião para aumentar a precisão de um procedimento cirúrgico para substituição da superfície da anca”.

Paulo Gonçalves adiantou que “a tecnologia a desenvolver tem a particularidade de poder ser aplicada a outros procedimentos cirúrgicos”, como no joelho. A equipa envolvida no projeto integra também o docente Pedro Torres e os bolseiros de investigação Nuno Catarino e Rui Carvalho.

O projeto, designado HIPROB, envolve, além da Escola Superior de Tecnologia de Castelo Branco, o Instituto Superior Técnico e vários especialistas em ortopedia. O projeto, que termina em 2013,conta com o apoio da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT).

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.