Vítor Vasques faleceu aos 73 anos

O antigo presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) Vítor Vasques, antecessor de Gilberto Madail, morreu hoje, aos 73 anos, anunciou o site da FPF.

Vítor Vasques, natural de Coimbra, esteve à frente da estrutura diretiva durante três anos, tendo sucedido, a 17 de fevereiro de 1993, a Lopes da Silva, deixando o cargo a 02 de março de 1996, quando foi sucedido pelo atual presidente.

Licenciado em engenharia química industrial pelo Instituto Superior Técnico, além de ter sido o 26.º presidente da FPF, foi também dirigente do Benfica, durante a gestão de João Santos.

O antigo dirigente, que estava internado no hospital de Coimbra, exercia a sua actividade profissional no Instituto Nacional de Engenharia e Tecnologia Industrial, de que foi diretor técnico.

Na política, Vasques aderiu ao PS, em 1974, foi Secretário de Estado da Segurança Social no sexto Governo Provisório, no primeiro e no segundo Governo Constitucional, até agosto de 1978.

Entre 1980 e 82, foi deputado do PS na Assembleia da República, não mais voltando a desempenhar cargos políticos.

Antigo praticante de basquetebol no União de Coimbra, clube de que era sócio, e de atletismo na Académica, Vitor Vasques assumiu a FPF com a missão de “pacificar” o futebol português.

O site da FPF “manifesta o seu profundo sentimento de pesar e endossa as mais sentidas condolências à família enlutada”.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.