Eleitores de Serpins estão a votar sem incidentes

Foto Luís Carregã

Os eleitores da freguesia de Serpins, concelho da Lousã, estão hoje a cumprir sem incidentes a repetição da eleição presidencial, após o boicote de domingo em defesa do ramal ferroviário da Lousã.

As duas mesas de voto começaram a funcionar às 08H00 e quinze minutos depois “já tinham votado algumas pessoas”, disse o presidente da Junta de Freguesia, João Pereira.

No domingo, os eleitores de Serpins não exerceram o seu direito de voto, tendo a população encerrado o edifício onde habitualmente decorrem os atos eleitorais.

O autarca socialista João Pereira, que tem defendido o projeto do metropolitano para o Ramal da Lousã, foi um dos 15 presidentes de junta dos concelhos da Lousã, Miranda do corvo e Coimbra que apelaram à abstenção nas eleições do Presidente da República.

As populações destes concelhos contestam a suspensão pelo Governo, através da REFER, das obras que arrancaram há cerca de um ano na ferrovia Coimbra B – Serpins, no âmbito do que está planeado para o “sistema de mobilidade do Mondego”

As populações de Serpins, na Lousã, de Muro, na Trofa, e de Vila Nova de Monsarros, na Anadia, estão hoje votar para a eleição do Presidente da República, depois dos boicotes de domingo.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.