O que muda em Coimbra com o Orçamento 2011

Posted by

O Governo apresenta uma lista de organismos ou institutos dos vários setores que serão objeto de processos de extinção, fusão ou reorganização.

“No contexto do objetivo de ajustamento orçamental muito exigente, considera-se prioritária a redução de estruturas orgânicas na Administração direta e indireta, a par de uma profunda reorganização e racionalização do Setor Empresarial do Estado”, lê-se na proposta de Orçamento de Estado.

Um esforço que, como afirma o Executivo, “traduz-se numa redução significativa do número de cargos dirigentes, tanto de nível superior, como de nível intermédio, implicando, na sua generalidade, que os serviços e organismos sejam objeto de reestruturação”.

Que efeitos têm estas medidas para Coimbra?

– fusão da Direção Regional de Economia (DRE) do Centro com a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) do Centro.

– agrupados, no Centro Hospital e Universitário de Coimbra, os Hospitais da Universidade de Coimbra (HUC), Centro Hospitalar de Coimbra (CHC), e o Centro Hospitalar Psiquiátrico de Coimbra (CHPC)”.

– reestruturados os serviços desconcentrados da Direcção-Geral de Veterinária, sendo as suas atribuições integradas nas Direcções Regionais de Agricultura e Desenvolvimento Rural.

– reestruturados os serviços desconcentrados da Autoridade Florestal Nacional, sendo as suas atribuições integradas nas Direções Regionais de Agricultura e Desenvolvimento Rural

– preparação de uma solução de extinção e integração da Metro Mondego na REFER que salvaguarde a promoção do seu objecto social.

4 Comments

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.