FCTUC e SASUC com mais 30 milhões para gastar

Posted by

Foto Arquivo Diário As Beiras

Governo publicou valores autorizados às instituições de ensino superior. É dinheiro que pode ser gasto, a mais. Mas equilíbrio orçamental não está em causa.

Mais 12,8 milhões de euros é quanto a FCTUC tem disponível, para além do que foi incluído no Orçamento de Estado. Benesse do Governo? Nada disso. Apenas o cumprimento de uma promessa. É que, quando o ministro das Finanças decidiu cativar os saldos de tesouraria aos organismos públicos, Sócrates garantiu que tal não se aplicaria às instituições de ensino superior, incluindo serviços sociais.

Isso mesmo foi há dias reafirmado, no Diário da República. O diploma explicita as alterações orçamentais ao ano em curso. E, para o ensino superior, dá conta de que os gastos autorizados são de 235 milhões de euros a mais. Um valor que corresponde à soma dos saldos transitados, do ano anterior.

Voltando, então, à Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra, cabe dizer que os 12,8 milhões são, por isso, saldo transitado. Um valor possível pelo esforço de angariação de financiamentos, na prestação de serviços especializados, em royalties, em actividades diversas, explica o director da FCTUC, João Gabriel Silva – a quarta instituição com mais dinheiro poupado.

João Gabriel Silva não sabe, nesta altura, se vai gastar o dinheiro todo. Mas sabe, já, que, no final do ano, tem de cumprir a regra do equilíbrio orçamental (ou seja, transitar para 2011 com, pelo menos, o mesmo saldo). E admite, mesmo, poder aumentá-lo, pois o ano “está a correr bem, no que respeita à angariação de novos financiamentos”.

Na mesma linha estão, também, os Serviços de Acção Social da Universidade, com 10,1 milhões de saldo, e a Escola Superior de Enfermagem, com 4,6 milhões.

Os números foram, ontem, avançados pelo Jornal de Negócios, a quem fonte oficial admitiu tratar-se de um crescimento de despesa pública, mas sem aumento de défice, pois não requer reforço de dotação, pelo Estado.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.