Abertura do Pediátrico de Coimbra “seria uma boa prenda de Natal”

A presidente do Conselho de Administração do CHC, Rosa Reis Marques, está ansiosa pela mudança para novo hospital, que pode acontecer antes do final do ano. PS/Coimbra reuniu-se com administração.

Ainda não assume uma data concreta para a abertura, mas a presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar de Coimbra (CHC), Rosa Reis Marques, ao DIÁRIO AS BEIRAS, não escondeu a vontade de “passar o Natal no novo hospital”. Pela sua vontade, “era já amanhã”, mas, não há ainda uma data definida. A responsável lembra que “é uma necessidade urgente” e que, “a convicção, pelo menos, é que abrirá até ao final do ano”. Seria “uma boa prenda de Natal para os utentes, que também foram parte activa na luta pela abertura do hospital”.

Os anseios da administradora foram também transmitidos ao presidente da concelhia do PS/Coimbra, Carlos Cidade, que ontem se reuniu com o CHC, no âmbito da auscultação que a estrutura partidária tem feito junto de várias forças vivas da cidade.

Rosa Reis Marques mostrou-se satisfeita. “Qualquer instituição se sente honrada pelo interesse de uma estrutura que tem representação na autarquia”.

A administradora frisou ainda que “Carlos Cidade tem sido muito interventivo no que diz respeito aos problemas, por exemplo, com o estacionamento e acessos ao novo Pediátrico”.

Já Carlos Cidade destacou as “boas notícias” sobre a abertura do Pediátrico, que “será concretizada numa altura também com simbolismo para as crianças”.

A transferência da maternidade para a nova estrutura também foi debatida, apesar de esta ser uma questão “que já está nas mãos da ministra”.

A relação de Coimbra com a saúde, rematou Cidade, “não tem sido a melhor. Quando o PS estava na câmara Coimbra era uma referência na saúde e isso foi-se perdendo”. Para o socialista, “seria possível definitivamente criar um cluster da saúde”, porque “estamos a perder recursos humanos para outras cidades da região”.

2 Comments

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.