Justiça e saúde são áreas em que o PSD vai apresentar reformas

Posted by

Rui Rio no ISCAC, há pouco mais de um ano, quando proferiu uma conferência – Foto LC/DB

A justiça e a saúde são duas das áreas em que o PSD vai apresentar reformas estruturais, que são “extremamente necessárias” para o país, disse ontem o líder do PSD, Rui Rio.

Em Coimbra, no final da primeira reunião do Conselho Estratégico Nacional, o líder social-democrata disse que a “justiça do país carece de reforma profunda e global, não de uma coisa pontual”.

“A semana da saúde permitiu-me ver melhor, já todos sabíamos disso, a situação dificilíssima do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e de todo o sistema de saúde em Portugal”, referiu.

Segundo Rui Rio, esta área carece também de uma “atenção especial e de uma reforma, não digo que seja tão profunda como a da justiça, mas carece de uma reforma”.

“O que vamos fazer são propostas no sentido da reformulação do SNS e do sistema nacional de saúde”, adiantou o dirigente, mostrando-se indiferente se a sua aplicação “é por acordo [com o Governo] ou por desacordo, no âmbito da tática política”.

Referindo que a saúde é a área que mais “toca” aos portugueses, o antigo presidente da Câmara do Porto considera que “não podemos ter pessoas à espera dois, três, quatro, cinco, seis meses para fazer uma intervenção cirúrgica, ou ter uma simples consulta”.

Para o líder social-democrata, “isso não pode acontecer” e o partido vai “tentar contribuir com propostas sérias, pensadas, estudadas e participadas para ajudar Portugal a resolver essas questões”.

“Sendo oposição, ajudamos, ganhando as eleições, lideramos, mas queremos acima de tudo o bem de Portugal”, sublinhou.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.