CNA quer novo prazo para apoios a atingidos pelo fogo

FOTO DB/LUÍS CARREGÃ

A Confederação Nacional da Agricultura (CNA) exige a abertura de um novo prazo de candidaturas aos fundos de apoio para pequenos e médios agricultores que sofreram prejuízos nos incêndios de 2017.

No dia em que passam seis meses sobre os incêndios de 15 de outubro de 2017, que atingiram centenas de explorações agrícolas no Centro, a CNA exigiu, no final do seu Congresso, a reabertura, pelo Governo, de candidaturas de acesso ou correção das ajudas para fazer face aos prejuízos dos incêndios.

“Em causa estão candidaturas até cinco mil euros. Muitos agricultores não conseguiram cumprir os prazos iniciais estabelecidos pelo Governo e necessitam desse apoio para recuperar as suas explorações”, disse à Lusa Pedro Santos, da direção da CNA.

Nas conclusões do 8.º congresso, que decorreu sob o lema “Soberania Alimentar com a Agricultura Familiar”, a CNA pediu ainda ao Governo que regulamente a cadeia de venda e transformação da madeira, dizendo que os agricultores surgem como o elo mais frágil.

Informação completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*