Infantário que ardeu renasce em Midões

Posted by

A reconstrução do infantário de Midões, em Tábua, destruído pelos incêndios de outubro de 2017, vai custar meio milhão de euros, com a Câmara Municipal a acreditar que as obras serão maioritariamente pagas com donativos.
Caso seja necessário, a autarquia disponibiliza algum dinheiro para concluir os trabalhos, mas “não será uma verba muito significativa”, disse ontem o presidente da câmara, Mário Loureiro.
Quando, nos dias 15 e 16 de outubro, o fogo destruiu o edifício da antiga Escola Primária de Midões, o infantário era frequentado por mais de 20 crianças, cujas atividades passaram a ser desenvolvidas, temporariamente, no Centro Escolar local.
A cerimónia de lançamento da primeira pedra, realizada na tarde de ontem, assinalou o “início imediato” dos trabalhos de reabilitação, menos de quatro meses após o infantário ter sido destruído pelas chamas.

 

Toda a informação na edição impressa do DIÁRIO AS BEIRAS de 7 de fevereiro

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.