Académica quer sair de Barcelos “sem galo”

Posted by

Fotografia de Carlos Jorge Monteiro

 

Num campo difícil mas onde os da casa não ganham há várias jornadas, a Académica joga amanhã em Barcelos, pelas 11H15, frente ao Gil Vicente depois de terem sido “travados” pelo Santa Clara na série vitoriosa que vinham trilhando.
Neste jogo há várias ausências certas: Ricardo Soares não estará no banco de suplentes por estar suspenso por 10 dias, Yuri e Nélson Pedroso estão castigados e Zé Castro lesionado. Serão, por isso, algumas as alterações que vão acontecer na equipa. Pedro Empis – que não joga desde novembro – deve ocupar o lugar no lado esquerdo da defesa – e Brendon irá para a vaga existe no centro do setor mais recuado.
Na 2.ª Liga, como se sabe, não há jogos fáceis. E o facto do Gil Vicente não vencer há vários jogos – já sabe que na época 2019/2020 jogará na 1.ª Liga, não retira dificuldade ao jogo. Aliás, deverá até trazer mais obstáculos aos estudantes, uma vez que os gilistas querem rapidamente mudar o rumo dos acontecimentos.
A história diz-nos que a Briosa é “amiga” de quem precisa de virar a página, e por isso Ricardo Soares, certamente, avisou os seus atletas para isso. Até porque, o plantel da Académica possui jogadores com muita experiência que sabem os perigos de defrontar uma equipa como os gilustas.
Apesar das alterações em campo, o esquema tático com que se apresentarão em campo não deverá ser alterado, e do meio campo para a frente tudo deverá ser igual à jornada anterior.
Alan Júnior e Piqueti, chegados a Coimbra no mercado de inverno, devem iniciar a partida no banco de suplentes e ser mais uma opção para as alterações que Ricardo Soares pretenda realizar durante o decorrer da partida.

Marinho, Real
e Chiquinho em dúvida
A Briosa ainda realiza hoje um treino e que vai dissipar as dúvidas que Ricardo Soares tenha em termos de jogadores disponíveis. João Real, Chiquinho e Marinho não participaram no treino de ontem, contudo, é possível que os três recuperem. Porém, Femi deverá ocupar o lugar de Marinho e voltar à titularidade. Se João Real não estiver apto deverá ser um médio com funções mais defensivas a ir para o eixo da defesa.
Só amanhã, quando for conhecido o 11 inicial, estas e outras dúvidas serão dissipadas.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*