“A candidatura do PSD figueirense não foi totalmente partidária”

Posted by

Miguel Babo

Por que razão não tem votado alinhado com o PSD?

Alinhados, estamos. A questão é que, em determinados pontos, não estaremos com a mesma opinião no sentido do voto. Os princípios da candidatura penso que nunca foram beliscados, portanto, nunca houve um desalinhamento nas causas principais.

Propôs a suspensão parcial de uma obra contra a qual votou….

Ainda bem que me pergunta isso, porque, assim, posso esclarecer. Houve aqui a circunstância de a pessoa com quem mais trabalho e comunico, que é o líder [da vereação do PSD, Carlos Tenreiro], estar de férias e houve uma maior dificuldade de comunicação e não houve um debate muito extenso sobre esse assunto. Fui eu que propus esse ponto.

Os seus colegas de vereação também votaram contra a proposta.

Também tiveram a visão de que era incoerente.

Neste mesmo espaço, Carlos Tenreiro disse que não é adepto da disciplina partidária. Esta afirmação legitimou a sua “rebeldia”?

Não é bem rebeldia. Acho é que o que pautou a candidatura, e daí a razão de eu lá estar, e que tem sido aceite pelos pares do PSD, é exatamente uma tentativa de uma mudança de paradigma. A candidatura não foi totalmente partidária, houve uma abertura à sociedade civil e a uma série de independentes. Há uma certa independência desta candidatura, que vai procurar manter-se durante o mandato.

Já recebeu manifestações de desagrado por parte da Concelhia do PSD?

Diretamente, não. Se algum dia quiserem trocar opiniões, ou quando houver que votar coisas mais importantes, com certeza vêm ter comigo, mas isso não é proibir que as pessoas votem de uma maneira ou outra.

Sendo de esquerda, por que aceitou ser número dois da lista do PSD?

Como diz o José Gil [filósofo português], a certa altura, temos de nos inscrever, não temos que ter medo de viver. Quando nos vêm convidar para uma coisa destas, numa abertura política surpreendente, senti-me quase obrigado a dar a minha contribuição.

Esta entrevista pode ser ouvida na íntegra na Foz do Mondego Rádio (99.1FM) e vista na Figueira TV

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*