Homem barricado foi detido pelas autoridades

O homem que esteve barricado, desde a tarde desta quinta-feira, num supermercado em Vila Nova de Poiares, foi detido, há minutos, pelas autoridades.

A meio da manhã, o cerco policial mantinha-se junto ao supermercado, com circulação de trânsito interrompida, num perímetro que deixava para lá das fitas de segurança funcionários da superfície comercial, habitantes e jornalistas.

A cada movimento dos operacionais, despertavam as atenções de quem por ali estava, concentrados nos desenvolvimentos, centrados no homem, que continuava no 1.º andar da estrutura, numa zona dedicada a serviços administrativos.

GNR, Corpo de Intervenção e outros elementos de segurança mantinham-se no local, enquanto prosseguiam as negociações com o barricado.

Segundo o advogado da empresa, a situação surgiu na sequência de uma questão relacionada com terrenos, mas que envolve os anteriores e não os atuais proprietários. Em explicações aos jornalistas, o causídico revelou ainda que, há cerca de ano e meio, o mesmo homem já teria estado numa situação semelhante, mas não com estas dimensões, da qual resultou um processo em tribunal. Ainda de acordo com o advogado, o homem, emigrante, está em Portugal há perto de um mês.

Entretanto, o funcionário ferido na quinta-feira aquando do início dos acontecimentos teve ontem alta hospitalar.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*