2,3 milhões para o património da UNESCO no Centro

FOTO DB/CARLOS JORGE MONTEIRO

Cerca de 2,3 milhões de euros vão ser investidos nos próximos dois anos na “requalificação patrimonial e turística” de quatro monumentos da região Centro que são Património Mundial da UNESCO.

Integram a lista o conjunto Universidade de Coimbra – Alta e Sofia, o Mosteiro da Batalha, o Mosteiro de Alcobaça e o Convento de Cristo, em Tomar.

Todos eles estão, agora, ligados em rede: o Turismo Centro Portugal, a CCDRC e as entidades e municípios que gerem e acolhem estes monumentos deram as mãos num projeto que mobiliza 12 parceiros. São eles que trabalham agora em conjunto para reforçar a rede constituída pelos quatro lugares Património Mundial da Região Centro de Portugal.

O projeto “Rede Lugares Património Mundial da Região Centro de Portugal” foi apresentado ontem na Sala dos Atos Grandes da Universidade de Coimbra, numa sessão em que Ana Abrunhosa, presidente da CCDRC, destacou “a grande ambição” deste “produto turístico-cultural”.

Informação completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*