Manifestação junta um milhão em Barcelona contra a independência da Catalunha

Posted by

A plataforma Societade Civil Catalã (SCC) estima que 950 mil pessoas estão a manifestar-se desde hoje de manhã em Barcelona contra a independência da Catalunha e a favor da unidade de Espanha.

Milhares de pessoas manifestaram-se entre a Plaza Urquinaona e a estação ferroviária Francia, na capital catalã, empunhando bandeiras espanholas, catalãs e europeias, sob o lema “Vamos recuperar o bom senso”.

A manifestação, que contou com a presença de políticos do Partido Popular, do Partido Cidadãos e do Partido Socialista Catalão PSC, realizou-se dois dias antes de o presidente da Generalitat (governo autónomo catalão), Carles Puigdemont, ir ao parlamento catalão para apresentar com uma declaração de independência.

Entre as muitas bandeiras espanholas, ‘senyeres’ (bandeira da Catalunha) e algumas europeias, a marcha começou lentamente pelas 12:00 locais (11:00 de Lisboa) gritando palavras de ordem como “Puigdemont para a prisão”, “Eu sou espanhol” ou “Viva Espanha, viva a Catalunha e viva a Guardia Civil “e, ao passar pela sede da Polícia na Via Laietana, aplaudiu e gritou: “Vocês não estão sozinhos”.

Em Bruxelas, centenas de pessoas também se manifestaram, durante mais de hora e meia, a favor da unidade do reino de Espanha, na praça do Luxemburgo, frente ao Parlamento Europeu (PE), noticiou a agência espanhola Efe.

Esta manifestação foi também convocada pela Sociedade Civil Catalã, e contou com a presença de representantes europeus do Partido Popular, do Partido Socialista Operário Espanhol e do Partido Cidadãos.

“Vamos recuperar o bom senso” foi o lema da manifestação.

Em Paris, uma centena de pessoas manifestou-se para defender a unidade de Espanha, com bandeiras espanholas e para transmitir que os espanhóis “não estão sozinhos” e a sua mensagem é escutada no estrangeiro.

O protesto, que decorreu junto à sede do Instituto Cervantes, organismo de divulgação da língua e cultura espanholas no estrangeiro, contou com a presença do novo embaixador de Espanha em França, Fernando Carderera.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*