Câmara de Viseu poupa 320 mil euros com mudança de operador de energia

Posted by

Almeida Henriques. FOTO DR

A Câmara de Viseu espera reduzir este ano os custos do fornecimento de energia para iluminação pública e equipamentos municipais em cerca de 320 mil euros, devido à mudança do operador de comercialização.

“Começámos da melhor forma o ano: a poupar de forma positiva. Não haverá qualquer redução no fornecimento de luz e energia. Teremos o mesmo, mas com menores custos”, explicou o presidente da autarquia, Almeida Henriques.

Na próxima reunião do executivo camarário, a realizar no dia 12, deverá ser ratificado o contrato anual de fornecimento de energia elétrica que irá garantir a poupança de cerca de 320 mil euros.

Na sequência de um concurso lançado pelo município a diferentes operadores de comercialização de energia, o contrato de fornecimento da iluminação pública de Viseu e dos equipamentos da Câmara e Águas de Viseu mudará da EDP Comercial para a Galp Power.

Com esta mudança, o município espera conseguir uma redução de 5% dos custos totais da fatura energética de 2016, que foram de 6,4 milhões de euros.

Segundo Almeida Henriques, somando a economia já introduzida no contrato de 2016 (de cerca de 100 mil euros) e resultante da introdução de tecnologia LED na iluminação pública, “a fatura energética reduz-se nos últimos dois anos em meio milhão de euros”.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*