Opinião – O Mercado Municipal

Posted by

PEREIRA DA COSTA

Pereira da Costa

Pouco tempo após o início do mandato de Pedro Santana Lopes (PSL) como presidente da Câmara da Figueira Foz, foi inaugurado um jardim de infância na freguesia da Marinha das Ondas, sendo que ao chegar ao local verificou aquele que na placa comemorativa de tal inauguração apenas constava o seu nome.

De imediato Pedro Santana Lopes ordenou que tal placa fosse substituída por outra, da qual deveria passar a constar, também, o nome de Aguiar de Carvalho, com indicação de que tinha sido este o responsável pela execução daquela obra.

Lembro-me da reação estupefacta de muitos quando tal sucedeu. Eu próprio, confesso, que apenas há pouco tempo tinha conhecido PSL, fui surpreendido pela justiça e nobreza do ato. Refiro este episódio a propósito de gesto idêntico do atual presidente da câmara, João Ataíde, quando no passado dia de S. João, ao inaugurar o “novo” mercado municipal, teve atitude igualmente justa e nobre com António Duarte Silva, não escondendo ter sido este um dos principais responsáveis pela projeção e realização de tal obra.

Não pretendo com isto diminuir a responsabilidade do atual executivo camarário pela execução daquela obra, antes pelo contrário, desde já aqui deixando expressa minha opinião de que tal obra é merecedora de sincero elogio. Está bonito, moderno e funcional o Mercado Engenheiro Silva. O que, naturalmente, deve merecer o apoio e congratulação de todos os figueirenses.

O que aqui quero realçar é a atitude do presidente o qual, à semelhança de PSL, não teve qualquer pejo em “dividir” a responsabilidade de tal obra com Duarte Silva, que com ela sonhou, a idealizou e a viabilizou.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*