Projeto do Metro “não está parado”

Posted by
Foto Gonçalo Manuel Martins

Foto Gonçalo Manuel Martins

O presidente da Câmara de Coimbra afirmou ontem que a reunião que ele e os seus homólogos de Miranda do Corvo e Lousã tiveram com o Governo serviu para dizer que o projeto Metro Mondego “não está parado”.

“O mais significativo” do encontro em Lisboa, entre o secretário de Estado das Obras Públicas, Transportes e Comunicações e os presidentes das câmaras de Coimbra, Lousã e Miranda do Corvo e do conselho de administração da empresa Metro Mondego (MM), “foi ter havido uma reunião de trabalho sobre o projeto”, salientou à Lusa o autarca de Coimbra.

“Nos tempos que correm, em que tantos projetos vão sendo estacionados na gaveta, pelo menos este [projeto] teve este desenvolvimento positivo”, disse o presidente da Câmara de Coimbra, João Paulo Barbosa de Melo.

Os participantes na reunião voltarão a reunir-se, em junho, para se debruçarem sobre “um conjunto de hipóteses de trabalho”, que, entretanto, “vão ser estudadas pela Metro Mondego”, adiantou o autarca social-democrata.

 

 

Ver versão completa na edição impressa

5 Comments

  1. O que ele quis dizer é que os administradores não pararam de mamar, e não é pouco. Voltarão a reunir-se em Junho… só garantir que a mama não pára, o contribuinte que pague.

  2. João Venezuela says:

    Excelente mamanço ! É sempre a abrir !

  3. Revoltado says:

    É só mamar, e o Zé povinho que pague.

  4. Corram com este Grupo, e nomeiem um que queira trabalhar,as pessoas andam cegas ,as coisas não andam e continuam a bater palmas a estes meninos que só querem o taxo .
    Vocês já viram alguma coisa andar para a frente aonde esteja metido o Presidente da Camara de Coimbra

  5. victor marques says:

    vivi 10 anos em Serpins, prometeram bons meios de transportes na altura, como eu muitos nessa altura compraram habitação.
    graças a deus já não moro lá, tou a 300kms, vendi o meu apartamento. e tive pena porque era e é uma localidade boa de viver.
    mas sem qualquer transporte em condições, é muito desagradável para quem não tem carro. é pena ainda os governos (anterior e o actual), não assumirem a culpa desta obra. na altura em que ainda vivia lá , disse muita gente da localidade que o dia em que a CP for embora daqui,jamais voltaria. promessas eleitorais destes anos todos e quem ganhou foram sempre os mesmos que há anos que dizem e prometem a volta do comboio ou metro-mondego e a população, continua cega e vai continuar. É PENA SERPINS, ser mais uma localidade em que a CP saiu e mais nada fizeram, vejam o caso das localidades em redor de Cantanhede.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*