Coimbra satisfeita por ser cidade charneira das linhas do Oeste e do Norte

Posted by

BARBOSA DE MELO

A Câmara de Coimbra congratula-se com a decisão da CP de reformular a linha do Oeste, colocando a capital do distrito “no início e no fim daquele corredor ferroviário”.

Esta alteração revela que a CP acolheu a pretensão dos autarcas da região, em particular, do presidente da Câmara de Coimbra, João Paulo Barbosa de Melo, que se baseava na evidência de que a linha, tal como estava definida, não dava resposta adequada às necessidades dos passageiros”, considera a Câmara de Coimbra em comunicado.

“Coimbra deveria posicionar-se no centro deste corredor ferroviário, servindo de ligação entre o Norte (Aveiro, Porto) e o Sul da linha (Leiria, Caldas da Rainha e Torres Vedras)”, acrescenta o documento.

A autarquia diz ainda que “estudos demonstravam que os passageiros que chegavam” à cidade “pela linha do Norte não tinham ligação direta assegurada para os apeadeiros do Oeste e que ‘redesenhando’ esta linha se daria uma resposta mais eficiente às necessidades de utilização”.

2 Comments

  1. Miguel Meneses says:

    Parabéns! Haja boas notícias, cá para os lados de uma Coimbra esquecida que foi durante tantos anos!

  2. Não teve mão do Presidente esta novidade.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*