Suspeitos de furto de 200 quilos de cobre detidos pela PSP

Posted by

img024Foi o furto de cabos de cobre que levou três indivíduos de 31, 33 e 42 anos à zona industrial da Gala, onde se localiza uma subestação da EDP. Aí, cortaram a rede e através do buraco acederam à subestação da EDP. Já na subestação desligaram a corrente, cortando depois três linhas numa extensão de 150 metros, furtando assim 450 metros de cabo de cobre com cerca de 200 quilogramas. A informação foi ontem avançada pela PSP de Coimbra que, em comunicado, esclarece que além dos danos causados na subestação da Gala “ainda danificaram a estrutura de suporte das linhas resultando na quebra dum dos postes de cimento de 18 metros, que não resistiu ao estiramento dos outros cabos que o ligavam ao poste seguinte. Poste este que está avaliado em dois mil euros”.

Os elementos da PSP chegaram ao furto do cobre depois de, na terça-feira, pelas 22H50, se terem apercebido que um grupo de indivíduos “seguia numa estrada de terra batida e carregavam algo suspeito numa viatura”. Ao prosseguirem a viagem, os elementos da PSP da Figueira da Foz verificaram que várias localidades por onde passavam “estavam sem energia elétrica” – nalguns casos completamente às escuras – o que de imediato levantou suspeitas. “Foi feita uma ligação ao grupo de indivíduos que havia sido visto anteriormente, com a possibilidade de terem cortado linhas elétricas para furtar os cabos em cobre”, esclarece o comunicado.

Com o intuito de intercetar os suspeitos, foi montada uma operação policial “que bloqueou o trânsito na Ponte Edgar Cardoso, levando à imobilização forçada do veículo em fuga”.

 

Ver versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*