Autarcas apelam a descida no preço das portagens da A13

Posted by

A13A Comunidade Intermunicipal do Pinhal Interior Norte (CIMPIN), que integra 14 municípios da região centro do país, pediu ao ministro da Economia a revisão em baixa do preço das portagens da recém-construída autoestrada 13 (A13).

“Era bom para o utente e para quem explora a via, de forma a obter mais receita”, defendeu o presidente da CIMPIN, João Marques, reforçando a ideia de que “o valor deveria ser idêntico ou mais aproximado ao de outras autoestradas”.

A A13, que liga Tomar a Coimbra, “apresenta um preço por quilómetro muito superior ao praticado, por exemplo, na Autoestrada do Norte (A1), localizada na faixa litoral”, pode ler-se no ofício enviado pela CIMPIN.

“Não sei se o ministro da Economia será sensível ou não ao problema, mas gostaria de salientar que esta infraestrutura foi feita para combater o isolamento destes concelhos, para dinamizarem a sua economia, para captarem empresas e criarem postos de trabalho de forma a fixarem população”, frisou João Marques, que é presidente da Câmara de Pedrógão Grande.

A manter-se o preço “elevado” das portagens, sustentou o autarca, “e sendo mais caro que em outras regiões mais desenvolvidas, é normal que espante e empurre daqui para fora o investimento que todos queremos fixar e atrair”.

 

(Texto: Agência Lusa)

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*