APRe! interpõe ação contra cortes de subsídios e pensões

Posted by

05 rosario_gamaA Associação de Aposentados, Pensionistas e Reformados (APRe!) entregou ontem no Tribunal Administrativo dos círculos de Lisboa, Porto e Coimbra uma ação administrativa especial contra alguns artigos do Orçamento do Estado para 2013.

“A APRe!, através do seu advogado”, interpôs “uma ação administrativa especial contra a Caixa Geral de Aposentações, IP e o Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social, IP”, disse à agência Lusa a presidente daquela associação, Maria do Rosário Gama.

A ação é “sustentada na ilegalidade e inconstitucionalidade de alguns artigos da Lei do Orçamento do Estado para 2013, que visam os aposentados, pensionistas e reformados”, adiantou aquela responsável.

 

Ver versão completa na edição impressa

11 Comments

  1. Henrique Costa says:

    É lamentável a falta de escrupulos dos reformados deste país. Sabem que a geração corrente que lhes está a pagar as reformas não vai ter direito ao que eles têm após os cortes mas mesmo assim querem continuar a sugar o que o país não tem!!! É a população que temos!!!

    • maria pinto says:

      Agradeço à APRE por encabeçar um movimento que reclama pelos direitos dos reformados e pensionistas que após uma vida inteira de descontos veem as suas pensões diminuidas e sobrecarregadas de impostos.

      Se o Sr. antigo Presidente do BCP que reformou com uma BOA reforma com direito a AVIÃO privado, CARRO e MOTORISTA e ganhou o processo em tribunal, por que não unirni-nos e defender os nossos direitos?…

  2. pois é Sr. Costa, os mais velhos são um custo inaceitável. os deficientes também. os ciganos só dão prejuízo. os emigrantes são uns párias que sugam a riqueza da raça lusa. exterminem-se. a bem da economia, a bem da nação. já percebi a sua ideologia, filosofia e sensibilidade politica e social. Vide, por todos e por tudo, "Mein Kampf" de Adolf Hitler.

    • Henrique Costa says:

      Oh Pio, tu és uma carraça! Cala-te de vez se não és capaz de respeitar opiniões diferentes! Os nazis é que queriam formatar toda a gente da mesma maneira. Tu sabes alguma coisa do que falas? Quanto é um reformado corrente descontou e quanto é esperado que receba? Metes tu a diferença? É que se pagares tu ou a Maria Pinto, ou quem quer que seja tudo bem. Agora que nem pensem em obrigar todos a subsidiar uma qualidade de vida para a qual não temos dinheiro para pagar! Quem compra os carros mais caros são reformados. Tem algum sentido que seja o grupo social mais benefeciado? É assim que se discutem problemas, com factos, não com generallizações exageradas e extramadas com tu! Cultiva-te pá!!!

  3. Maria Morais says:

    Deve ser muito estupido para fazer este imbecil comentário !!! Sabe que não nos estão a "DAR" nada? Se não sabe, informe-se. FOMOS NOS REFORMADOS QUE DURANTE TODA A NOSSA LONGA VIDA DE TRABALHO, DEIXÁMOS O QUE O ESTADO DECIDIU, SEGUNDO UMA FÓRMULA, PARA TERMOS A REFORMA A QUE TEMOS DIREITO. O DINHEIRO QUE LÁ DEIXAMOS É NOSSO !!!! Percebeu, seu imbecil?

  4. Maria Morais says:

    Jà o escrevi. Não foi aceite, não é? Mas aceitaram um parecer imbecil do sr Henrique Costa….! Era evidente!!!

    • Henrique Costa says:

      Maria isso não são maneira de falar às pessoas. Ninguém te deu educação? Pois, tu queres é dinheiro, a educação não te serve para nada né?

  5. As pessoas reformadas deram o seu contributo ao pais enquanto tiveram saúde e capacidade para o fazer. Muitos descontaram muito dinheiro ao longo das suas carreiras profissionais. Mais, alguns, das suas reformas, ajudam familiares desempregados e agora como é? Deitam-se para o lixo? todas as pessoas têm direito à dignidade e mesmo reformados, muitos continuam a trabalhar de outras formas, ou ajudando os filhos a tomar conta dos netos enquanto os pais trabalham ou até em trabalhos de voluntariado! Por isso o senhor que se insurge contra os reformados deveria pensar duas vezes pois amanhã poderá vir a sentir na pele o que é ser idoso, às vezes doente e ter dificuldades económicas. Só quando somos capazes de nos colocar na "pele" dos outros podemos tirar conclusões justas. Pensemos antes em políticas de incentivo à natalidade, pois a riqueza do país está nos jovens. Seria bem melhor que gastarmos dinheiro com abortos! Disso ninguém fala! É preciso saber ser solidário com aqueles que estão em situação mais frágil, neste caso os reformados.

  6. JULIO DUARTE says:

    O comentário do Sr.Henrique Costa só me merece um reparo.É um imbecil ignorante que não sabe do que fala.instrua-se primeiro e depois abra essa bocarra nojentinha.Pessoas como Vc.metem nojo.

  7. ó sr. costa tenha vergonha. se lhe visse capacidade ou qualidade para discutir assuntos concretos fá-lo-ia com gosto, mas o seu entendimento e capacidade são tão puéris e as suas palavras tão bacocas, demagogas e dum provincianismo tão marcado que me recuso a perder tempo em conversas que vc não entenderia. meta lá títulos e frases pretensamente bombásticas e delicie-se a observar o resto dos leitores a chamar-lhe imbecil, do mal o menos, sempre obtém o que pretende: que falem de si. assim vai o mundo…

    .

  8. CHAMISSA says:

    Eu fui para a reforma com 40 anos de descontos.Levei 90% da reforma e ainda fui penalizado em 3 anos mais 13.5 %.Total levei 76.5% quando já tinha direito a 100 %.Acham que isto não é já ser demasiado penalizante.Agora estão a roubar mais.Estou quase na penuria quando levei um vida de trabalho e estudo,fiz 5 concursos na minha carreira sem cunhas.Como posso assim ajudar os meus filhos e meus netos?…E querem roubar mais nas reformas,Este Gasparzinho está insaciável de dinheiro para pagar ao patrão dele que é o BCE.
    GATUNOS

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.