Ferrovia do Porto de Aveiro já retirou 27 mil camiões das estradas

Posted by

PortodeAveiro

O Porto de Aveiro anunciou que a ferrovia, inaugurada três anos, já retirou 27 mil camiões das estradas, representando 20% dos movimentos daquele porto em 2012 e uma redução de 95% nas emissões de dióxido de carbono.

A funcionar desde 4 de março de 2010, na ferrovia do Porto de Aveiro já circularam 1.409 comboios, representando as mercadorias trazidas pelo comboio 20% do movimento do porto em 2012.

Em comunicado enviado à agência Lusa, o Porto de Aveiro explica que a ferrovia tem “ajudado à conquista de novos mercados, para além de ganhos ambientais dignos de registo”, tendo retirado já 27 mil camiões das estradas.

A infraestrutura foi inaugurada a 27 de março de 2010 pelo ex-primeiro-ministro José Sócrates, que considerou então “de maior importância para a economia” portuguesa a ligação por comboio ao Porto de Aveiro, salientando que a partir daquele momento todos os portos nacionais estavam ligados à rede ferroviária.

“A ligação ferroviária, responsável pela movimentação de 801.690,16 toneladas de mercadorias, tem vindo a ser utilizada em crescendo: no ano passado registou a cifra de 401.015,58 toneladas, o que corresponde a 20% do total do tráfego de mercadorias registado no porto, e à circulação de seis comboios diários”, refere o mesmo comunicado.

De acordo com o presidente, José Luís Cacho, “a integração da ferrovia no Porto de Aveiro teve um impacto muito positivo na conquista de novos e importantes mercados para o Porto de Aveiro, aqui se destacando as exportações para África”.

“O ambiente ganhou com a chegada do comboio ao Porto de Aveiro. Em números redondos, podemos dizer que tirou das estradas cerca de nove mil camiões por ano, o que significa, de acordo com estudos conhecidos, uma redução em 95% das emissões de CO2”, enfatiza.

Agência Lusa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.