Câmara de Pombal ameaça recorrer a Bruxelas por causa da água

Posted by

FA37FA Câmara de Pombal poderá recorrer a Bruxelas caso as entidades portuguesas não garantam a quantidade de água do aquífero da Mata do Urso para abastecer o concelho, ameaçou o vice-presidente, Diogo Mateus.

Na última reunião de Assembleia Municipal de Pombal, o presidente da Junta da Guia, Manuel António Santos, alertou os deputados para a publicação em Diário da República dos perímetros de proteção das captações de água na Mata do Urso, por parte da empresa Águas do Mondego (AdM), sem que para tal “tivessem ouvido as juntas de freguesia”. O autarca considerando que a “captação da empresa pode pôr em risco o abastecimento de água no concelho de Pombal”, pois o aquífero “poderá secar”.

“Se percebermos que os mecanismos de controlo portugueses não são suficientes e que as entidades competentes não garantem a quantidade e qualidade da água do aquífero para o município, recorreremos a Bruxelas, para que sejam impostas regras que protejam o concelho. A captação de água em Pombal não pode ficar em risco por causa de má gestão”, garantiu Diogo Mateus.

 

ver verão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*